O que é um coletivo?

14715060_890933591038063_5405689503456147764_o

O que é um coletivo?  É um substantivo que mesmo estando no singular, representa algo plural.

Nosso coletivo tem a ver com sonhos. Nos encontramos em 2014 e começamos a criar histórias que gostaríamos de ler em livros, explorando textos, imagens e dobras do papel.

A primeira reunião aconteceu na oficina “Escrever para Crianças”, ali nasceram personagens, narrativas e estruturas, postos sobre a mesa para discussões animadas sob os olhos atentos do relógio cuco no canto da sala…

Ao longo de três anos, descobrimos muitas afinidade e buscamos explorar os…

múltiplos olhares para escrever, ilustrar e experimentar!

A literatura para crianças atualmente é o todo do livro, esse objeto-continente de palavras, imagens e materialidade. Mas que é também um continente-universo, onde exploramos livremente os ritmos, vínculos e infinitas leituras.

Acreditamos que os livros podem transformar pessoas, despertando curiosidade, imaginação, ideias e sentimentos. Enfim, a humanidade dentro de cada um. A arte apresenta novos mundos e cada livro só valerá a pena quando suas mensagens chegarem, de fato, aos leitores.

Produção, processos gráficos, possibilidades de comercialização e propostas de mediação de leitura também entraram na discussão e tudo virou um grande caldeirão. E em novembro de 2016, na Feira Miolos, lançamos nossos três primeiros livros: Quem vem lá?, Bartolo Burtopelo e Tanto faz, Tomás.

Desde então, BabaYaga vive as alegrias que são possíveis somando-nos uns com os outros.

Essa é a magia do coletivo!


BabaYaga tem participado dos seguintes eventos:

  • Feira Miolo(s) 2016, na Biblioteca Mário de Andrade em São Paulo, dia 5 de novembro. Lançamento de nossos três primeiros livros: Quem vem lá?, Bartolo Burtopelo e Tanto faz, Tomás.
  • Maru99 – Feira de Arte Impressa Independente, no Colégio Marupiara. São Paulo SP, 19 de novembro de 2016.
  • Faísca – Mercado Gráfico, feira realizada no BDMG. Belo Horizonte MG, 19 de novembro de 2016.
  • Lançamento do livro Saudade de Caqui, na Biblioteca de São Paulo I BSP, em 1 de dezembro de 2016.
  • Dots Market, na Casa das Caldeiras, zona oeste de São Paulo, 10 e 11 de dezembro de 2016.
  • Roda de histórias e um pouco mais, no Centro Cultural de Mogi das Cruzes SP, 28 de janeiro de 2017.
  • Plana Festival Internacional de Publicações de São Paulo – “O Fim do Mundo”, no Pavilhão da Bienal, de 18 a 19 de março de 2017, com o lançamento de Quem puxou meu lençol?, Se eu fosse um ciclope e Zoo bem lógico.
  • II Feira de Literatura infanto-juvenil de Língua Portuguesa, organizada pela Brasil em Mente, em Nova Iorque – EUA, maio/2017
    FLIM – Festa Literomusical do Parque Vicentina Aranha 2017, em São José dos Campos
  • III KRAFT – Feira De Publicações Independentes, na UNESP, em setembro de 2017, em São Paulo
  • Tinta Fresca 2017, no Espaço Cultural Porto Seguro, em São Paulo
  • Maru99 – 2ª Feira de Arte Impressa Independente, em outubro/2017, no Colégio Marupiara, em São Paulo
  • Feira Miolo(s) 2017, na Biblioteca Mário de Andrade em São Paulo, participando da 1a. edição da Miolinho(s), área especial para o público infantil.
  • Feira Folhetaria(s) 2017, dias 2 e 3 de dezembro, no Centro Cultural São Paulo.
  • PrintA-Feira 2018, dias 3 e 4 de março, no Sesc 24 de Maio, São Paulo
  • Plana Festival 2018, dias 23, 24 e 25 de março, na Cinemateca Brasileira, em São Paulo.